“Tenho contrações mas não tenho dilatação, é normal?”

21 de julho de 2015

Contraction

Sim,  isso é normal porque na verdade você não está em trabalho de parto. As contrações de preparação começam geralmente a partir de 36 semanas, mas isso não é regra. Algumas mulheres nem sentem contrações e entram em trabalho de parto espontaneamente.
Geralmente essas contrações são indolores mas algumas mulheres relatam que sentem bastante incômodo e até dor, mas vão para o hospital e através do toque o médico afirma não terem dilatação. Então se esse é o seu caso saiba que:

– O colo do útero antes de dilatar passa por um processo de afinamento. Ele é grosso como o gargalo de uma garrafa, com um orifício no meio que fica bem fechado e fica virado para trás em direção do seu ânus. Com essas contrações ele muito lentamente vira para frente em direção a vagina, e afina ficando fino como papel e só então ele começa o processo de dilatação. Tudo isso que eu expliquei pode levar DIAS para acontecer quando é o primeiro parto. Eu sei, é um saco, a família fica incomodando, pode doer pra cacete, você fica sem dormir noites mas NÃO tem jeito. Aceite que seu corpo precisa disso.

Processo de afinamento do colo

Processo de afinamento do colo

– Trabalho de parto ativo é quando a mulher tem contrações ritmadas e próximas com intervalo igual ou menor que 4 minutos, com dilatação igual ou superior a 6cm. Então não corra para o hospital com contrações de 15 em 15 minutos porque você não terá dilatação. Se o bebê está se movimentando, você não tem sangramento, nem está perdendo líquido, aguarde em casa até que as contrações fiquem próximas. Alguns médicos internam mulheres com pouca dilatação, com contrações irregulares mas isso é muito arriscado. Você pode ser uma sortuda e evoluir super rápido ou pode ser como a maioria das mulheres e acabar em um parto cheio e intervenções (ou até mesmo cesárea), tudo culpa da internação precoce.

– Se você não sabe o que fazer ou se sente insegura, você precisa ter uma doula, que com certeza mesmo a distância (nesse início) vai poder auxiliar por telefone e encontrá-la quando você sentir que as contrações estão próximas, na sua casa ou no hospital.

“Eu já tenho dilatação (2, 3 cm) mas não tenho contrações. Vai demorar muito pra nascer?”
Sim, pode demorar bastante pra nascer. O bebê só vai nascer quando você tiver contrações fortes e ritmadas como expliquei, e essa dilatação é considerada normal no final da gestação pelo próprio peso do bebê em cima do colo do útero. Então esqueça as previsões do seu obstetra e aguarde. Ninguém tem bola de cristal e o bebê que decide a hora de nascer.

Processo de dilatação do colo

Processo de dilatação do colo

Tenham uma boa hora

Cris Doula

O segundo parto é sempre mais rápido e fácil que o primeiro?

20 de julho de 2015
foto do google

foto do google

A resposta é:  Uma gestação é sempre diferente da outra e o parto também.

Se você está grávida, teve uma cesárea e agora fará parto normal, precisa entender que este será o seu primeiro parto. Sim, cesárea na obstetrícia não é considerada um parto e sim uma cirurgia, então esse será seu primeiro parto, que geralmente é longo. Se você está grávida, teve parto normal, seu corpo tem uma memória do parto anterior e a tendência é que esse parto seja sim mais rápido. Mas isso não é regra.

O que eu vejo que influencia muito é o estado emocional da mulher que, como já passou pela experiência, se sente mais segura na segunda vez. A mulher sabe que dói, mas que a dor passa e no final vale a pena. Na teoria no primeiro parto o colo do útero dilata 1 cm por hora quando está na fase ativa. Em multíparas (mulheres que já pariram uma vez ou mais) o colo dilata 2cm por hora no mesmo período. Além disso o colo do útero que antes precisaria afinar para depois dilatar, desta vez afina e dilata ao mesmo tempo.

A posição do bebê, como a cabeça está encaixada, o peso do bebê, entre outros também vão influenciar. Então não deixe de se preparar simplesmente porque você já pariu antes, nem vá para a maternidade no início das contrações achando que o bebê vai pular pra fora tão facilmente. Informe-se, prepare-se, tenha uma doula e ouça seu corpo. Afinal, tudo que sabemos de obstetrícia na teoria nem sempre funciona na prática.

Boa hora,

Cris Doula

 

%d blogueiros gostam disto: