parto8

https://www.facebook.com/JulietteFurtadoFotografia/

A metassíntese elaborada com sete pesquisas qualitativas cumpriu o objetivo de produzir evidências sobre a importância, a possibilidade e as vantagens para as parturientes que receberam o suporte das doulas em maternidades ou em outros espaços de assistência à mulher em trabalho de parto e parto. A presença de doulas junto às mulheres é objeto de investigação em diferentes países, contudo os estudos qualitativos sobre o tema são recentes e incipientes.

Constatou-se que a definição de doula é semelhante na literatura, como sendo a mulher que dá suporte físico, emocional, social e espiritual, fornecendo também orientações às parturientes durante o trabalho de parto, parto e pós- parto. As características satisfatórias do trabalho das doulas foram expressas por parturientes, pelos membros da equipe multiprofissional e pelas próprias doulas.

Essa multiplicidade de informações, com considerações positivas conduziu a se reconhecer o suporte da doula à parturiente como favorável e significativo. Observou-se que muito precisa ser feito para que o papel da doula seja reconhecido e validado em diferentes segmentos da sociedade. No Brasil, a presença de doulas é restrita nas maternidades, mesmo que estas trabalhem de forma voluntária ou contratada pela parturiente. Ainda existe resistência, por parte de alguns profissionais, com a presença de mais uma pessoa para acompanhar, assistir e dar suporte durante o processo de parir.

552601_3764874719556_642044307_n1

As mulheres, lentamente, estão assumindo novas formas de atuação e mobilização de recursos formais e informais relativos ao parto, e as instituições raramente identificam esse apelo para abertura de caminhos para outros tipos de trabalho na sociedade. Assim, reafirma-se a necessidade de as instituições de saúde modificarem suas práticas rotineiras, tradicionais, relações de poder e de trabalho, com o objetivo de facilitar e aprimorar o desenvolvimento de ações benéficas e cuidadosas com as pessoas em situação de estresse, de incertezas e com dificuldade de tomar decisões assertivas.

Os estudos de metassíntese representam escassez de publicações nacionais na área de estudo, no que diz respeito às comparações dos achados que visualizem a relação profissional, gestante e doula; estudos que criem possibilidades para formulação de novos pressupostos, paradigmas e políticas públicas no acompanhamento integral, humanizado e articulado à gestante. Assim, conclui-se que há necessidade de maior incremento nas pesquisas para diversificar as experiências, criar estímulos e motivações para essa função inovadora do suporte prestado pela doula e a recepção dessa prática pelos profissionais no acompanhamento perinatal durante e após o parto.

A presença de um acompanhante, seja membro da família, estranho, amigo, ou mesmo um profissional que acompanhe a mulher no pré- parto e no parto, diminui significativamente o sofrimento da parturiente, as dores e o uso de procedimentos desnecessários. As limitações desta pesquisa se inserem no contexto do reduzido número de publicações com abordagem qualitativa sobre doula e na indisponibilidade de outras referências bibliográficas que não constem nos bancos oficiais.

Para ler o estudo completo: http://www.scielo.br/pdf/csc/v17n10/26.pdf

Categorias: Relatos de Partos !!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Relatos de Partos !!

Relato da Cris – Nascimento Noah – Parto Domiciliar 29/06/18

  Foto: Micaela Torres Estou gravidíssima de 38 semanas e 5 dias e escrevendo este relato. Acho mais fácil começar a escrever sobre a gestação agora pois quando o meu gurizinho chegar estarei bem ocupada Leia mais…

Relatos de Partos !!

Vídeo do meu parto – Nascimento Noah – Parto Domiciliar

Para quem ainda não sabe, tive meu segundo filho há 41 dias. Minha primeira filha nasceu em 2007 através de uma cesariana eletiva. Noah nasceu naturalmente em casa, com 41 semanas e 2 dias, e Leia mais…

Relatos de Partos !!

Relato da Heloísa – Nascimento Henrique – Parto Natural 07.04.2018

Sou a Heloísa, tenho 32 anos e o Henrique é meu primeiro filho. Há quatro anos já havia me interessado sobre o assunto parto humanizado, e comecei a pesquisar bastante. Nessa busca, encontrei o blog Leia mais…