5 - DSCN0058

Desde que me conheço por gente, sempre tive o sonho de ser mãe. Sou canceriana, emotiva, família… e também sabia que seria um parto normal. Nunca me conformei com a cesárea, mesmo minha mãe falando desde sempre que o parto normal era a pior dor do mundo. Ela teve eu e minha Irmã de PN e meu irmão, “por ser muito grande”, cesárea. Coitada!!! Carrega uma cicatriz gigante e feia até hoje.

Casei com o amor da minha vida em março de 2012 e combinamos que iríamos aproveitar nosso primeiro ano de casados e depois planejaríamos um bebe.  A partir de fevereiro de 2013 começamos a tentar. Todo mês ia na farmácia comprar um teste e vinha aquele negativo, comecei a ficar frustrada. Fui em 5 Ginecologistas achando que eu era estéril rsrsrs e todos eles só pediam pra eu relaxar que uma hora ele vinha.

Enquanto eu tentava relaxar, comecei a pesquisar sobre partos. Mergulhei de cabeça nesse mundo. Um dia, acho que foi no mês de Julho, vi uma foto do parto de uma colega da pós graduação e ali estava a doula, Cristina Melo. Fui pesquisar o que era a doula e conheci seu blog.  Naquela hora falei, essa vai ser a minha doula. Pela foto já dava de ver no rosto dela a pessoa sensível e carinhosa. Era tudo oq eu precisava!!!

E as tentativas continuaram até agosto! No dia 15 de agosto teve a estreia do filme O Renascimento do Parto e convenci meu marido a assistir comigo. Ele foi contra a vontade, mas foi rsrsr Chorei o documentário inteiro e sai de lá com a certeza que quando engravidasse meu parto seria natural, com o mínimo de intervenções possíveis. Ele também ficou surpreso com tudo oq viu e já me apoiou desde aquele momento. Acho que engravidei naquele dia!!!

Dia 05 de setembro veio a confirmação: POSITIVO!!! O sorriso não cabia no meu rosto. Meu marido não se aguentava de tanta alegria. Estava tudo dando certo para gente, o bebe e o marido passando no concurso…SÓ ALEGRIA!!

Comecei meu pré natal com meu ginecologista, e na primeira consulta eu já falei pra ele que queria um parto natural. Ele olhou pra mim e disse: Dói muito, tá?? Você não vai aguentar!!!  Fiz cara de paisagem pro meu marido. E fui pra casa bufando.

Já fiquei chateada com isso, mas ainda continuei a me consultar com ele. Achei que havia alguma esperança. Foram mais duas consultas e ele sempre contra os meus princípios. Um dia eu falei: Doutor eu QUERO o parto natural, se possível sem intervenções e na banheira. Ele simplesmente riu e falou: Não é bem assim, só se td der certo. E vc não vai aguentar a dor.

Meu Deus!!!! O que aquele medico estava falando?? Quem tem que saber se aguento a dor sou eu ne? E outra, eu sou saudável e jovem, meus exames estavam indo bem e o bebe também. NUNCA MAIS VOLTEI NAQUELE MÉDICO.

Entrei no face e add a Cris doula. E já fui pedindo indicações de médicos humanizados.

Ela me passou uma listagem. Eu já conhecia dos relatos o Dr. Fernando Pupim e já admirava seu trabalho. Acabei marcando consulta com ele e com a Dr Halana, já que meu marido achava melhor me consultar com uma médica rsrs

A primeira consulta foi com ela. Quanta diferença!!! Que mulher incrível, tirou todas minhas duvidas e me passou vários livros sobre parto humanizado. Saí de lá feliz da vida!!! Afinal, achei a medica que iria me acompanhar no parto. Acabei desmarcando a consulta com o Dr Fernando. Na segunda consulta com ela, veio a bomba…ela iria se afastar pra fazer doutorado ou mestrado, não me recordo. Fiquei super triste!!! Corri e marquei consulta com Dr Fernando.

Primeira consulta com ele… AMOR a primeira consulta!!! Que querido!!  E fiz todo o resto do pré natal com ele. Sempre atencioso, humano!!! Eu a cada consulta dizia dos meus medos, achava que não conseguiria e ele sempre com uma palavra doce: você consegue, todas conseguem!!! Saía do consultório toda bobinha.

Também tinham as consultas com a Cris, um doce de pessoa. Foi o melhor investimento que fiz durante a gravidez. No começo meu marido não entendia, mas eu tinha certeza que no dia do parto ele entenderia… FOI DITO E FEITO!! Hoje ele é fã numero 1 da Cris rsrs.

O único problema que me incomodava era ter plano de saúde e ter que pagar do bolso o chamado do meu médico caso não fosse o seu plantão no dia. Isso me fazia perder o sono, tinha pesadelos. Mas não tinha condições de partir para o plano B. A grana estava curta! Eu conversava com o Lorenzo e pedia pra ele se pudesse nascer numa segunda-feira, que era o plantão do Dr. Pupim. O que eu mais temia era que ele resolvesse nascer numa sexta-feira, pois a medica de plantão não tinha uma boa fama, era cesarista de carteirinha e deixava bem claro ser contra o parto humanizado…MEDOOO!!!

Dia 08/05/2014(quinta-feira) com 39 semanas e 4 dias, a tarde tive uma contração de treinamento, barriga ficou dura, coisa rápida…isso já vinha acontecendo alguns dias. Avisei a Cris e ela informou que era normal, ele estava se preparando. Para mim ele so viria na outra semana com 41 semanas ou ate com 42. Estava tranquila enquanto a isso.

A noite meu marido convidou pra ir no sushi dos nossos amigos, já que ele estava com desejos rsrs.  Me entupi de sushi e sashimi. Postei uma foto no facebook e a Cris comentou: Come bastante wasabi e gengibre que nasce!! … ta ne, vou comer..vai que rola!!! Me entupi de wasabi e gengibre tbm, mas na minha cabeça aquilo não faria nem cócegas.

Voltamos pra casa e comentei com meu marido: já pensou se vem nessa madrugada? – dormimos. As 02:00h acordo com uma cólica bem chatinha, era rápida e aparecia a cada 40 min…não consegui mais dormir. E eu crente que era contração de treinamento. As 05:00h acordei meu marido e comentei da cólica. Ele achou que não era nada demais. Fui levando ate as 10:00h. Resolvemos ir ate o estreito pagar umas contas e fazer um test drive num carro rsrsrsr (moro em jurere)… ate perguntei pra ele: será que deixamos as malas no carro? Ele coitado: não, nem vai ser hoje rsrs

La fomos nos para o estreito…aquele cólica chatinha vinha e voltava. Fomos primeiro na concessionária, e começamos a ver os carros. E o negocio foi apertando, comecei a contar as contrações. Achei estranho, pensei que eu tava contando errado…nao podia ser!! 7 em 7 min. Eu so posso estar louca!!! Desistimos de fazer o test drive, eu não estava com paciência mais e fomos logo ao banco pagar as contas. La no banco começou a piorar, mandei whatts pra Cris, que estava morrendo de dor. Ela me orientou a contar quando estivesse ficando mais forte as dores. E pra avisa-la qdo estivesse de 5 em 5min Percebi que já estavam de 4 em 4 mim. Sai do banco 13:30 e fomos correndo pra casa. Chegamos em casa e o Zaba(meu marido) foi comprar almoço. Eu fui para o chuveiro e fiquei La embaixo da água quente, pensando que aquilo tudo não podia estar acontecendo. Sabe quando vc se prepara tanto pra uma coisa e ao mesmo tempo não esta preparada? Eu me sentia assim.

Não consegui dar três garfadas ma comida, a contração vinha e voltava muito rápido. Voltei para o chuveiro e comecei a gemer de dor. Não conseguia conversar com o Zaba, so pedi pra ele ligar pra Cris. E ela orientou que fossemos pra maternidade.

Acho que era 15:30 quando fomos para a maternidade. O caminho de casa ate lá foi o mais longo, de tanta contração. Zaba perguntou se eu queria ouvir uma musica, quase bati nele…tadinho!

Chegando lá, encontrei a Cris com um sorrisão e eu desabei em chorar e demos um abraço. Eu estava com medo da médica acima de tudo, pois era uma sexta-feira. Esperamos o Zaba arrumar os papeis da internação e subimos para a sala de parto, que graças a Deus estava vaga, acho que era 16:30.

A Cris já começou a encher a banheira e eu fui para o chuveiro. Me agarrava em tudo e não conseguia mais pensar em nada. Fomos para a banheira, que delíciaaaaaaaa!! Como aquilo relaxa. Tive vontade de dar uma mergulho rsrsrs, mas também durou 4 min isso. Chegou a queridíssima medica!!! E chegou chegando!! Já olhei pra Cris e meu marido assustada, e pedi para o Zaba entregar o plano de parto para ela. Ela fez uma cara de quem não gostou e disse que tudo aquilo já era procedimento do hospital. A ta, me engana que eu gosto ne??!! Veio fazer o toque dentro da banheira e que toque horrível. E para nossa surpresa:  5cm de DILATAÇÃO!!! Meu sorriso foi de orelha a orelha. Daí começaram os pitacos: Vamos colocar um sorinho?? Uma analgesia?? Uma ocitocina?? Aff eu so revirava os olhos para a Cris e ignorava o que ela dizia. Ela saiu da sala e ficamos nos três ali, Cris, Zaba e eu…so eu com minhas contrações, Cris me apoiando, fazendo a sua super massagem  e o Zaba batendo algumas fotos.

2 - DSCN0017

Duas horas depois a medica voltou e fez mais um toque, que me fez ir ao céu. DILATAÇÃO TOTAL!! Nem acreditei, acho que chorei de emoção. Olhei pra Cris e ela com aquele olhar carinhoso dizia que eu estava indo mto bem. Aquilo me dava mais força pra aguentar.

Ai começaram as perolas da medica: “Eu não concordo com isso, em ver a mulher sofrer. Isso é um retrocesso. Hoje em dia com a cesárea, medicina evoluída, não precisaria estar passando por isso. Se tivesse dado ocitocina e a analgesia já teria tido teu bebe há muito tempo”.

AFFFFF!!!! Eu so olhava pra Cris e queria socar a cara da medica. Sem noção, eu ali no meu momento mágico e a mulher falando aquelas asneiras. Tentava ignorar e pensava no meu bebe. E ficamos sozinhos novamente, nos três. Confesso  que pedi pra Cris uma analgesia, pois não estava mais aguentando. Mas ela mais uma vez falando que eu ia conseguir e estava indo super bem. E eu ganhava mais força!

3 - DSCN0032

Ficamos ali, acho que meia hora…rebolando na bola, agachando, levantando… ate que a bolsa estourou. Senti uma queimação!! E continuamos a levantar e agachar e a vontade de fazer força. Digo continuamos,  pq a Cris me acompanhava em tudo, subia e descia comigo. E o bebe foi descendo, pois ele não estava encaixado ainda. O quarto já estava escuro so com as luzes das velas que a Cris colocou na banheira. Com a lanterna ela já via que ele tava chegando e fomos para a banheira. Nessa hora a medica já tinha retornado e eu nem percebi.  Entrei na banheira e já estava sem força, so queria ficar quietinha ali.

Quando vinha uma contração, tentava fazer  uma força longa, mas parecia impossível. A medica ali voltando a falar besteiras e eu tentando me concentrar, que situação!!! “ Não concordo com isso, já era pra ter nascido se tivesse dado ocitocina” – “vamos fazer uma episiotomia, pra ser mais rápido?”

4 - DSCN0043

Eu tentava não escutar aquilo e so olhava pra Cris, ela me passava segurança e me acalmava. Fiquei meia hora nessa de fazer força longa dentro da banheira, até que senti o circulo de fogo, queimando tudo, fechei meus olhos e me entreguei.  Fiz uma força e senti ele saindo de dentro de mim. Quando abri meus olhos vi que ele estava em meus braços. Fiquei pasma olhando pra ele!!  Que cheirinho bom. Não estava acreditando no que aconteceu. Nós conseguimos!!!! Meu marido pescou ele e deu ele pra mim.

9 - DSCN0059

A medica já veio correndo pra cortar o cordão, mas eu disse não. Gostaria que meu marido cortasse e quando parasse de pulsar. Ele cortou e ficamos ali alguns minutos namorando aquele serzinho.

Lorenzo nasceu no dia 09/05 as 19:35h com 3300Kg e 48 cm em um parto natural sem nenhuma intervenção. Foram 14 horas de trabalho de parto e 3 horas e meia de parto ativo.

6 - DSCN0062

Tive laceração e levei alguns pontos e nesse tempo ouvi mais algumas perolas da medica. Nessa hora eu já ria olhando pra Cris… oq eu poderia fazer?? Eu quebrei o sistema dela. Ela não conseguiu roubar meu tão sonhado parto.

Tirando oq eu tive que ouvir dessa medica, foi tudo maravilhoso. A dor passa assim que você olha pro seu filho lindo e saudável. Agradeço de coração a minha doula, realmente sem ela eu não conseguiria passar por tudo isso e já tinha ido pra faca na primeira besteira que a medica falasse. Meu marido me surpreendeu, o amo ainda mais depois de tudo isso. E também agradeço  ao Dr. Fernando Pupim por ter me acalmado em todo meu Pré natal.

Me informei muito e gostaria que todas a mulheres tivessem a mesma oportunidade que eu tive.

Sinto saudades daquele dia!! Me pergunte se passaria por tudo aquilo novamente: COM CERTEZA!!! Parir é a melhor coisa do mundo!

 Paula Sales, mãe do Lorenzo!!

7 - DSCN0073

 

 

 


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *