11061328_874778502565206_7076180034782466720_n

Quando busquei informações sobre um parto natural ou parto com uma doula não tinha ideia do que eu viveria…Não por ser modinha ou estar em alta…longe de mim esses holofotes! Mas de um túnel sem volta de fortes emoções… porque o que eu queria viver era um parto humanizado. .em que eu pudesse participar e estar muito consciente disso. ..e dele nunca esquecer!
Sempre sonhei na qualidade de ser mamãe! Mas por razões alheias à minha vontade ao quinto mês minha caminhada seguiu sozinha….e q por incrível que pareça me fortaleceu mais do que nunca! Longe de minha família e sem um companheiro para apreciar junto o crescimento do meu casulo!

Desde o começo minha idéia era saúde e o melhor pra mim e pra minha filha! Então…minha gestação seguiu muito tranquila…vendendo saúde e exibindo a minha barriga aos quatro ventos!
Passou tão rápido que então na listinha famosa chegou a minha vez….e vieram as 39, 40, e as 41 semanas!
E nada de sinais de tp…apenas as contrações de treinamento que desde muito cedo me acompanharam…fiz de tudo. ..tomei chás até adormecer a lingua, bola e até tomei pimenta na sopa…com.todo aquele calor do começo do mês!
Tive que driblar a minha ansiedade, os palpites alheios, as pessoas falando “vai passar da hora eihn” ou o pior…São dois? Ou vai parir um bebê com cinco kilos? Ahhh vai se rasgar toda!

Como se já não bastasse os desafios hormonais, familiares e sociais tinha a questão do tamanho da minha bebê. ..com 41+5 semanas coloquei em pauta a indução. ..porque decididamente minha filhota não quisera nascer!
Conversei com minha maravilhosa GO CRIS FALCAO e com a nossa doula querida e muito amorosa Cris Doula e ambas não hesitaram….vamos lá. ..coragem! E isso nunca faltou: CORAGEM

Nessa mesma semana eu completava 36 anos! Então depois de um exame do coração da bebê e um ultrassom que estimava um bebê de 4.600gr DECIDI!
VAMOS induzir com comprimidos a nossa caminhada à partolandia! E que seja no meu aniversário!
Comecei a indução no sábado dia anterior ao meu aniversário dia 22 de março! Algo dizia lá no fundo que meu corpo só precisava de um empurrão! Rsrsr ou um maderaaaaaa kkkk tipo assim uma machadada!
Internei no dia 21 sábado, muito calma e com uma palavra que me ajudou muito. …confiança. Nanda Vieira (outra doulanda) esteve como exemplo. Nao duvidei e solicitei a assistência insubstituível da dra Cris Falcão como médica responsável pelo parto. Desde a internação anunciava à Cris doula… passo a passo o que estava acontecendo.
Já tinha decidido que o pai da minha filha e somente por ela… e minha mãe estariam juntos comigo em todo o tp até o nascimento. Tinha ainda a fotografa que quase não notei sua presença…

Dilatei muito rápido dos dois dedos iniciais…fui ate os nove muito rápido e sem nada…caminhando e rebolando.Até que dali em diante a minha gordinha não descia…por meio centímetro ela ficava no meio do caminho e subia novamente. ..Então depois de tentar tudo…bola…cócoras…banheira e já dormindo entre uma contração e outra…olhei pra Cris doula e disse. ..estou cansada…falta muito?
Cris disse…do que vc tem medo? Eu disse NADA! E pra mim nada e ninguém alem de mim estavam lá. …mentalmente eu imaginava a minha gordinha nos meus braços. …Então pedi analgesia..exausta das tentativas o expulsivo não começava nunca….e eu sem força!
Quando a dra Cris disse vamos tentar na mesa a manobra de um tal cara que não lembro o nome rsrsr onde vc deitada na mesa de parto ergue tuas pernas pro alto e as puxa em V na direção do teu corpo enquanto a tua cabeça sobe….fazendo força para fazer coco! Simmm quase um.duplo twist carpado…e dá licença que o meu tinha nivel hard da minha gordinha ter tamanho e peso de um bebe de 2meses!

Algumas tentativas e nada de força. .de um lado o pai da minha filha e de outro minha mãe tentando desbancar a fotógrafa com o celular na mao…rsrsrs…puxavam minhas pernas…dra gritava com incentivo. ..
” -vamos lá força força força respira fôlego e força de novo! Como uma leoa vamos ver a Eduarda sair linda e cabeluda! “


E assim a cada contração gritava de novo força força força. …eu pedia água e a contração vinha de novo…Mais uma dose de ocitocina pq a analgesia me fez perder o compasso das contrações!
E por fim…exaustivamente senti algo queimar muito forte. …
Eduarda coroou…as Cris…concentradas e banhadas em vaselina monitoravam o tempo todo o coração da bebe….e isso me dava coragem e cada vez mais força!
Depois de coroar mais duas contrações e o círculo de fogo veio trazendo minha filha pro meu peito!
Eu estendi os braços e disse: conseguimos minha filha! Eduarda…amor da mamãe…a gente conseguiu!

10435930_851239784947544_1673830769494251491_n
Minha filha nasceu com 4.300gr e 52cm…acabou quebrando a clavícula na saida…foi o jeito que ela conseguiu sair! Coisa pouca…agora aqui no colinho gostoso tomando um tete e assistindo lolapaloza! Yeahhh
Nada me fez pensar em desistir. .nada me faz sentir menos mulher….concentrei e fui…e pra mim foi muito natural..e humanizado!
Partolandia é superar limites por amor e por instinto!
#cheirodeamor #cheirodeparto

PRA SEMPRE NA MINHA MEMÓRIA!

Camila Melza

11073558_851263324945190_1801403143986538388_n


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *