image14-300x195

Essa é uma pergunta que as mulheres que acompanho sempre fazem.  A quantidade de pessoas na sala varia de maternidade, se for pública geralmente é apenas um acompanhante e se for particular geralmente são permitidos dois. No Ilha Hospital e Maternidade que é  onde acompanho 99% dos partos, permite que o casal escolha quantas pessoas, e quem serão essas pessoas, desde que claro não atrapalhe a equipe.

Porém sempre oriento que menos nesse caso é mais. O parto é um evento muito íntimo, primitivo, instintivo e precisa de privacidade. Então a resposta para essa pergunta é: – ”Quem for indispensável, que concorde com o parto normal e que vá ajudar você de alguma forma.”
Não combina convidar a mãe, a avó, a tia, e a vizinha para assistir o parto, principalmente se você sabe que elas não apoiam a sua decisão pelo parto normal humanizado. Lembre-se você precisa estar confortável para agir como a natureza pedir. Se alguma dessas pessoas for te deixar envergonhada ela não deveria estar lá. Quando o parto é em casa as pessoas acabam se dissipando e não ficam todas num mesmo ambiente. Mas no hospital são horas e horas em uma sala sem ter pra onde ir.

Quando chego em um parto e me deparo com um quarto ou sala de parto com muita gente, sempre peço que os familiares saiam um pouco e converso com o casal. Na grande maioria das vezes eles não sabem como pedir para as pessoas irem embora, pois ficam com medo de chatear aquelas pessoas queridas que estão ali torcendo por eles. Então quando tenho essa autorização eu não fico nem um pouco sem jeito de pedir pra todo mundo ir pra casa rsrsrs

Então se você está prestes a parir e ainda NÃO pensou nisso, é melhor conversar com o seu acompanhante e com os familiares para evitar esse tipo de desconforto na hora P!

Uma boa hora pra todas!

Cris Doula


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *